quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

ESQUECERAM DE PORTO SEGURO


A Comunicação do governo Wagner  divulgou as presenças dos secretários de Turismo de Pernambuco e do Maranhão na Bolsa de Turismo que acontece em Lisboa, mas não citou a presença de Porto Seguro no evento.

O encontro na capital portuguesa contou com executivos da TAP e operadores de diversas regiões da Europa, como Itália, Escandinávia, Rússia, Portugal e Espanha.

Porto Seguro enviou ao encontro o vice-prefeito Beto Nascimento, o secretário de Cultura e Turismo, Luís Otávio Borges e a diretora do Convention Bureau local, Patrícia Martins.

Mas não saiu uma linha a respeito. Falha da Comunicação do governo Wagner. 

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

ROLANDO LERO NA CÂMARA...

Os vereadores de Eunápolis estão bolando uma sessão da escolinha do professor Raimundo. Querem convidar o secretário de Saúde de Eunápolis, Mário Rolando Lero Gontijo para uma sabatina.

O professor vai botar os edis no bolso com seu lero lero.

E a saúde ó!

DORA KRAMER: INDECENTES ÚTEIS

Para entender o PT.


Aqueles que não conseguem convencer, quando fanáticos agridem, constrangem e, se lhes for dada a oportunidade, prendem e arrebentam.


Foi a nítida impressão deixada pela ação orquestrada a partir da Embaixada de Cuba com pequenos, barulhentos e virulentos grupos defensores da ditadura Castro, contra a presença da jornalista Yoani Sanchez por uma semana no Brasil.

Tirante a violência, nada de mais grave haveria no patrulhamento não fossem dois fatos: a presença de um assessor com assento no Palácio do Planalto na reunião em que a representação de Havana distribuiu a missão aos chefes dos tarefeiros e o mutismo do PT diante dos atentados à liberdade de uma pessoa dizer o que quer a quem estiver disposto a ouvir. 

De onde fica plenamente autorizada a constatação de que esse tipo de intolerância não é episódio isolado nem nascido por geração espontânea. Foi apenas a manifestação mais histérica e malsucedida do modo petista (e área de influência) de lidar com as diferenças de ação e pensamento. 

Numa expressão já meio gasta: o exercício do contraditório. Este enlouquece o PT. E aqui se fala do partido como um todo não na intenção maldosa de generalizar, mas porque a direção deixou o senador Eduardo Suplicy literalmente falando sozinho no enfrentamento da barbárie. Do partido como um todo não se ouviu palavra, nenhum reparo, apenas ressalvas aqui e ali à "deselegância" dos indecentes úteis. 

A falta de cerimônia com que se dedicaram à selvageria é fruto do exemplo. Isso se vê quando o governo desqualifica de maneira desonesta (para não dizer mentirosa) as ações de seus antecessores - até mesmo os que hoje são seus aliados -, quando autoridades confundem crítica com falta de apreço à pátria, quando o dever de informar é classificado com desejo de conspirar, quando o exercício da oposição é "vendido" à população como uma atividade quase criminosa. 

No caso da cubana ocorreu um monumental tiro no pé: o que seria uma visita tratada com destaque, mas sem maiores consequências nem celebrações - até porque Yoani Sanchez não diz nada que já não seja de conhecimento público sobre as agruras da vida em Cuba -, no lugar da visita de uma jornalista que reclama pela adaptação de seu país à contemporaneidade, o que se teve foi uma repercussão monumental.

Ao se tornar alvo (fácil) da rebeldia sem causa, virou capa da revista de maior circulação no Brasil, falou no Congresso Nacional e foi convidada de honra em programas de entrevistas no rádio e na televisão. Bom para ela, melhor ainda para a exposição das patrulhas ao ridículo. E tem gente que ainda apoia o direito da Embaixada de Cuba de pôr os patrulheiros na rua argumentando que o fez em legítima defesa. 

Imagine o prezado leitor e a cara leitora se a Embaixada dos Estados Unidos resolvesse organizar manifestações no mesmo tom para revidar, a pretexto de proteger a moça dos ataques. O mundo viria abaixo e certamente o governo brasileiro protestaria contra a indevida intromissão. 

Expurgo. A exposição de fotos no Senado, organizada pelo PT em comemoração aos 33 anos de vida e 10 do partido no poder, simplesmente suprimiu o ano de 2005. O período em que veio a público o esquema do mensalão também desapareceu das festividades partidárias. 

Uma incoerência em relação aos protestos de injustiça e acusações de farsa que o PT faz sobre o julgamento. Acreditasse mesmo em suas alegações, o natural seria o partido aproveitar a passagem dos aniversários para ressaltar o que, na sua versão, seria algo nunca antes ocorrido no País em matéria de atentado à Justiça, aos direitos individuais e, sobretudo, à verdade.

Preferiu nada falar. De onde, se conclui, consentiu.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

PEGA (O PAPA) PRA CAPAR...


Renúncia de Bento XVI acirrou ainda mais a disputa interna no Vaticano

SEXO, DINHEIRO E VAIDADES DOMINAM A CÚPULA DA IGREJA CATÓLICA ROMANA

Há uma guerra intensa dentro do Vaticano pelo poder da igreja católica. Salesianos contra franciscanos e jesuítas.

Fala-se até em lobby gay contra os cardeais celibatários.
Sem falar na turma do dinheiro que não abre mão do jogo capitalista.
O fato é que a cúpula da igreja não se entende.

Isso pode retardar muito a escolha do novo papa, uma vez que não há consenso.

Já dizia Jesus: "Perdoai-os. Eles não sabem o que fazem!"

A miséria que não acaba


Em 2010, o então presidente Lula tinha a levar aos palanques da sua candidata à sucessão, Dilma Rousseff, um alentado embornal de realizações na área social, combinadas com a elevação das taxas de crescimento - graças, sobretudo, ao ciclo de prosperidade global que antecedeu o colapso financeiro de 2008. 

No seu governo, o Brasil ficou mais rico e os brasileiros, em geral, também, apesar da persistência de índices humilhantes de desigualdade. 

Milhões puderam emergir dos estratos inferiores de renda a que pareciam confinados. Mais importante do que isso, quem sabe, os seus lugares foram ocupados por outros tantos que até então mal conseguiam manter a cabeça acima da linha que separa a pobreza da indigência.

Sob o governo Dilma, os níveis de emprego e renda ainda se sustêm, garantindo à sua titular índices lulistas de popularidade. Mas, na campanha reeleitoral do próximo ano, ela não terá a ostentar o "pibão" de seus sonhos. 

A expansão da economia nacional no atual período não só ficará aquém da registrada na quadra precedente, como ainda será inferior à da média dos países com os quais o Brasil é comparável.

Em consequência, a propaganda dilmista deverá se amparar nas proezas do seu criador, tratando de amalgamar o seu mandato aos oito anos de Lula. O estratagema é necessário, porém insuficiente para rebater as críticas dos opositores - não ao desempenho do criador, mas ao da criatura. 

Ciente disso, ela procurou um feito para chamar de seu - e acaba de apresentá-lo numa operação de marketing que, demagogicamente, exacerba o que é bom e esconde tudo o mais.

Trata-se do espetáculo com que a presidente celebrou em palácio, na terça-feira, a conclusão do resgate de 22 milhões de brasileiros da pobreza extrema, mediante a elevação do mínimo mensal per capita pago às famílias inscritas no Bolsa-Família. 

A partir de março, esse valor terá de superar R$ 70, instituído em 2009 como indicador oficial da miséria no País. 

O reajuste beneficiará 2,5 milhões de assistidos - segundo Dilma, "os últimos dos brasileiros extremamente pobres, inscritos no cadastro do Bolsa-Família, a transpor a linha da miséria". Outros já haviam sido alcançados pelo plano Brasil sem Miséria, lançado em junho de 2011, que aumentou em 45% o dispêndio com os 36 milhões cadastrados no programa federal de transferência de renda e estendeu de três para cinco o número de filhos passíveis de ser incluídos. 

Em maio do ano passado, o Brasil Carinhoso estipulou um complemento para as famílias com crianças de até 6 anos - teto depois ampliado para 15 anos.

A nova medida proclamada anteontem, sob o slogan "O fim da miséria é só um começo", criado pelo marqueteiro do Planalto, João Santana, custará ao erário cerca de R$ 773 milhões por ano, aumentando para perto de R$ 8,7 bilhões o orçamento do Bolsa-Família.

"Fim da miséria", em termos, porém. Conquanto o programa seja um êxito reconhecido em todo o mundo, por sua abrangência, sistema de recebimento do benefício e baixos índices de desvio, o fato é que continuam fora de seu alcance 700 mil famílias miseráveis dispersas pelo País. 

Decerto esse contingente diminuirá com o tempo. Mas o que se mantém inatacado em ampla escala - e sem sinal de mudança no horizonte - é a miserável qualidade de vida das populações "bolsistas". 

Elas comem melhor, vestem-se melhor e têm mais bens domésticos do que antes. O dinheiro dos auxílios anima a economia dos respectivos municípios.

Mas nada disso supre as carências de que padecem, omitidas nos festejos reeleitorais da presidente. Um dado resume a esqualidez do ambiente típico onde vivem os assistidos: segundo números recentes do IBGE, 21,9 milhões de crianças de até 14 anos - 48,5% da população nessa faixa de idade - não têm acesso a serviços básicos de saneamento. 

Delas, 4,8 milhões correm sério risco de contrair doenças. Mesmo onde não falta água, o esgoto é inadequado ou nenhum, a coleta de lixo é precária ou inexistente, a a escola é ruim. 

E, como sempre, a infraestrutura melhora menos onde mais precisaria melhorar. "A transferência de renda", comenta o economista Cláudio Dedecca, da Unicamp, "é a parte mais fácil do combate à pobreza."

Editorial do jornal O Estado de São Paulo, em 21 de fevereiro de 2013.



sábado, 23 de fevereiro de 2013

O CRIME COMPENSA... NO BRASIL

A impunidade prevaleceu no julgamento de Gil Rugai, divulgado pela mídia de todo o país. 


O estudante Gil Rugai foi condenado a 33 anos e 9 meses em regime fechado pelo assassinato de seu pai, Luis Rugai, e de sua madrasta, Alessandra Troitino, ocorrido em março de 2004.

Mas o assassino não vai direto para acadeia, vai recorrer em liberdade e ainda terá direito a herança.

Fosse pobre e preto já estaria preso em condições insalubres, apanhando quase todo dia e seu julgamento demoraria de acontecer porque já estaria condenado mesmo.

Mas a Justiça brasileira é feita para livrar brancos e ricos da cadeia e amontoar pretos e pobres, desde o Brasil Colônia.

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

TOMARA QUE ACONTEÇA



FOTO: PAULO BARBOSA/SITE ROTA 51
A municipalização do trânsito de Eunápolis - que significa também arrecadar mais dinheiro - foi discutida pela prefeitura, Ministério Público, autoridades policiais e entidades civis na noite de quinta-feira (21), na sede da loja maçônica 5 de Novembro, na Avenida Joana Angélica.

A pretensão inicial da prefeitura é ordenar o centro da cidade, abrindo mais espaço para os pedestres, mais estacionamento para os veículos e disciplinando o trânsito, fazendo cumprir a lei.

Caso não sofram solução de continuidade, as medidas discutidas e pretendidas causarão forte impacto, mudando a cultura local em que cada motorista e cada motociclista faz a sua própria lei.

Alguns entraves ainda precisam ser vencidos para que as mudanças ocorram. 

A própria municipalização do trânsito ainda não saiu do papel. O município tem uma Superintendência do Trânsito, há anos, mas sem nenhuma ação pontual efetiva por conta do imbróglio jurídico.

O encontro de quinta-feira mostrou que as mudanças são desejadas. Mas para fazê-las o prefeito Neto Guerrieri terá que ter mais do que boas intenções. Terá que ter pulso forte e muita vontade política. 

Por Geraldinho Alves




quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

VEREADOR DIZ QUE DETESTA UOL E FOLHA DE SÃO PAULO PORQUE SÃO CONTRA O PT



O vereador petista de Eunápolis Lucas Leite disse na rádio 98 FM que "detesta" o portal de notícias UOL e o jornal Folha de São Paulo porque eles "são contra o PT".

Perdeu a oportunidade de ficar calado. 


MILITANTES DO PT AGRIDEM JORNALISTA (LEIA)

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

DO PROTESTO AO VERBO A BLOGUEIRA CUBANA YOANI SANCHEZ SE ILUMINA

De alma lavada, a blogueira cubana resumiu em seu blog Geração Y os momentos que viveu em feira de Santana. Veja alguns trechos:

"...Com a ajuda do senador Eduardo Suplicy e a calma ante as adversidades que me caracteriza, conseguimos começar a falar". 

"Resumo: só sabiam berrar e repetir as mesmas frases, como autômatos programados". 

"Assim a reunião foi muito interessante. Eles tinham as veias do pescoço inchadas, eu esboçava um sorriso. Eles me faziam ataques pessoais, eu conduzia a discussão ao nível de Cuba que sempre será mais importante que esta humilde servidora".

"Eles queriam me linchar, eu conversar. Eles obedeciam a ordens, eu sou uma alma livre". 

"No fim da noite sentia-me como depois de uma batalha contra os demônios do mesmo extremismo..."

É por isso que admiro Yoani, seu blog e seus pensamentos de resistência a brutalidade.

O HAITI É AQUI?



"Ter independência financeira trouxe a independência política". Yoani Sanchez

RADICAIS IMPEDEM A EXIBIÇÃO DE DOCUMENTÁRIO DE CINEASTA BAIANO


Fato foi em Feira de Santana, a 100 km de Salvador, na Bahia. O filme "Conexão Cuba - Honduras", de Dado Galvão, assusta tanto a "esquerda" baiana por que?

Blogues e sites baianos não amplificaram o fato absurdo com medo de perder a mídia do governo Wagner (PT), simpatizante do regime cubano. 

A exibição do documentário fazia parte da programação da visita da blogueira cubana Yoani Sanchez à Bahia. Ela participa do filme. 

Por que uma blogueira assusta tanto a "esquerda" baiana? Ela apenas escreve o que pensa em um blog publicado na internet.

Ela desmascara o governo cubano, fantasia "ideológica" que ainda alimenta falsos "vermelhos".

CLIQUE AQUI PARA OUVIR O CINEASTA DADO GALVÃO NARRAR COMO TUDO ACONTECEU.


terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

ÁLCOOL: A BEBIDA ASSASSINA

A bebida alcoólica é responsável por 21% dos acidentes de trânsito em todo o país. isso em números oficiais, quando se realizou testes. 

Também é responsável por 39%dos casos de agressão atendidos pelo SUS. Novamente em números oficiais.

Os homicídios (e até suicídios) também figuram entre as mazelas produzidas pela bebida assassina.

Hospital, cadeia e cemitério - precoces - são destinos comuns para quem insiste no caminho do álcool.

DISCORDAR OU CONCORDAR


O deputado estadual Álvaro Gomes, filiado ao Partido Comunista do Brasil, disse que a blogueira cubana Yoani Sanchez seria "persona non grata" na Bahia. Falou isso no plenário da Assembleia Legislativa, como se dono da verdade fosse.

O parlamentar expressou um sintoma antigo: o "esquerdismo", uma doença infantil do comunismo, que afeta os "revolucionários", segundo nos advertiu o camarada Lênin há alguns anos.

Doença que assassinou camaradas como o próprio Lênin, Trotiski, entre outros que ousaram discordar de Stálin, o mentor de Fidel Castro e avô do PCdoB.

É histórica a intolerância política dos sanguinários Stalin, Mao Tse Tung e Fidel Castro, certamente "personas gratas" para o deputado comunista, que ficou do lado do governo baiano atual nas greves dos professores e dos policiais militares.

Para Álvaro Gomes, a blogueira Yoani está "à serviço da direita" para criticar o regime cubano, "quando deveria exaltá-lo, por suas conquistas sociais".

O regime cubano só é bom para quem não vive em Cuba, Quem lá vive quer sair correndo e conhecer o progresso da civilização e a liberdade de expressão.

Diz o deputado baiano ainda que a blogueira é financiada pela CIA para criticar regime cubano. 

Parece um comunista recém-saído do passado nebuloso da Rússia pós-revolucionária, a chamada cortina de ferro. Pudesse o deputado e a blogueira iria mofar na Sibéria, fazendo trabalhos forçados para aprender a venerar Stálin, Mao e Fidel.

Mas Yoani quer uma coisa que os comunistas acham uma palavra plantada pelos "imperialistas": liberdade. 

No Brasil, os "esquerdistas" como o deputado Álvaro Gomes, apoiam Renan Calheiros, José Sarney, Paulo Maluf, Fernando Collor, José Dirceu... Personas gratas aplaudidas pelo PCdoB e companhia.

Concordo com Yoani: "eu quero essa democracia também". A de poder discordar ou concordar com o governo ou qualquer ideologia. 

Depois eu mando a fatura para os EUA, CIA e Vaticano.

Geraldinho Alves 

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

TERRENO DA REFORMA AGRÁRIA, QUEM QUER COMPRAR?


Assentados da reforma agrária usam anúncios em jornais para vender lotes em assentamentos do interior de São Paulo. 

A informação vem do jornal Estadão.

A prática é proibida e pode configurar crime. Um dos anúncios, publicado no último dia 10 na página de classificados do Jornal da Cidade, de Bauru, oferecia um lote de cinco alqueires (12,1 hectares) por R$ 60 mil. 

O Estadão entrou em contato com o telefone anunciado e o assentado, que se identificou como Nelson Pontes, confirmou o interesse em vender o lote 298, no Assentamento Aimorés, administrado pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), em Pederneiras, município da região.

O INCENTIVO DE DILMA (UMA PÉROLA)

A presidente Dilma Rousseff se reuniu no dia 4 de fevereiro, em Arapongas, no interior do Paraná, com assentados do programa de reforma agrária do governo e com integrantes do Movimento dos Sem-Terra (MST). 

Ao lançar o programa "Terra Forte", cujo objetivo é "agroindustrializar" os assentamentos com aporte de R$ 600 milhões, a petista saudou o senador Blairo Maggi (PR-MT), integrante da bancada ruralista e um dos maiores proprietários de terra do Mato Grosso, antes mesmo de cumprimentar os integrantes do movimento. Dilma chamou Maggi de "grande produtor rural".


BLOGUEIRA CUBANA YOANI SANCHEZ, FINALMENTE, NO BRASIL

Bem-vinda Yoani!

CLIQUE AQUI PARA LER O FAMOSO BLOG "GERACÃO Y" DA BLOGUERIA CUBANA. IMPRENSA LIVRE TEM UM LINK NELE, CONFIRA.

"Quero também essa democracia no meu país", disse Yoani ao enfrentar uma manifestação de protesto na chegada ao Brasil, na madrugada desta segunda-feira, 18. Tirou onda, com todo o direito.

Mas além do protesto houve também uma recepção calorosa de amigos e simpatizantes do trabalho valoroso da blogueira em defesa da liberdade de expressão (quase um palavrão no regime cubano).


A blogueira foi impedida de sair daquele país em 20 tentativas nos últimos seis anos.


NA BAHIA

A programação da visita dela ao Brasil começa com a vinda a Bahia. Ela vem a Feira de Santana participar da exibição do documentário "Conexão Cuba - Honduras", de Dado Galvão, no qual ela é uma das entrevistadas.

Na terça-feira (19), Yoani concede entrevista coletiva ainda em Feira de Santana e também participa de uma sessão de autógrafos de seu livro "De Cuba com carinho", além de um debate sobre liberdade de expressão e direitos humanos. 


Na quarta-feira (20), Yoani deve conhecer Salvador e depois deve embarcar rumo a São Paulo.




sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

2014: PT QUER CABEÇA DE CHAPA, MAS AINDA NÃO TEM CANDIDATO PRA ISSO



A ressaca do carnaval vai ser mesmo a volta da sucessão estadual como assunto dominante nas conversas de bastidores. 

Agora, a base do PT (Jonas Paulo, Marcelino Galo e cia) começou a bater pé firme de que o partido tem direito a cabeça de chapa.

Mas os pré-candidatos do partido não decolam nem têm popularidade bastante para entusiasmar ninguém.

O desgaste do governo Wagner é notório e se refletiu nas eleições passadas em cidades grandes como Salvador, Feira de Santana, Lauro de Freitas e Itabuna.

Ao redor e derredor estão nomes com musculatura: Otto Alencar (PSD), Marcelo Nilo (PDT) e Lídice da Mata (PSB). Os três continuam prudentes.

Otto é o que tem maior popularidade no interior, mas quando se manifesta diz que é cedo demais para falar de sucessão.

Lídice apenas colocou o bode na sala. Seu projeto depende do projeto nacional do PSB.

E o presidente da Assembleia, Marcelo Nilo, vem se movimentando. Ele disse uma frase essa semana muito criativa: "O PT tem a preferência, mas não tem a exclusividade".

A sucessão começou bem antes de o eleitor perceber. Os prefeitos no interior também precisam acordar e antecipar seus palanques. Não vai dar pra esconder o jogo ou especular até mais adiante porque as obras do estado estão na porta.

E sucessão estadual nunca foi diferente.

Geraldinho Alves

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

NIVER DE CLÁUDIA NO BAIANÃO?

Sabe aquele bolo de 40 e tantos metros que o ex-prefeito Ubaldino faz todo para comemorar seu aniversário? Foi a atração do Baianão há anos.

Agora, a atração é O TRABALHO que a prefeita Cláudia Oliveira vem fazendo no Baianão: caprichando na limpeza, asfaltando ruas, cuidando das pessoas.

Isso com apenas 40 e poucos dias de governo.

Acho que Cláudia já pode ir pensando em comemorar seu niver no Baianão também, com trio e tudo. E, quem sabe, um bolo gigante...

QUEM QUER COMPRAR ALMOÇO GRÁTIS?


Uma das frases mais conhecidas no mundo dos negócios é: Não existe almoço grátis.

Lúzio Nunes, o único dono de site que tem peso na mídia (não ia perder esse trocadilho, né), com seus mais de 130 quilos, está indignado por não ter tido a chance de transmitir pela internet o carnaval de Porto Seguro.

Ele investiu no seu site Namídianews para ser, digamos, uma TV local, mas a internet ainda não encheu os olhos do mercado na região.

Apenas políticos apostam na rede. tanto como prevenção, quanto como artilharia. 

Mas o amigo Lúzio deve ter consciência de que o carnaval de Porto Seguro foi quase improvisado, sem recursos, feito nas coxas. 

E só foi sucesso porque a prefeita Cláudia, o vice Beto e o marido Robério entendem bem do ramo.

SURPRESA
Durante a folia, em casa, diante da TV, engordando mais, Lúzio tomou um susto quando viu a transmissão "grátis" feita pela TV Record News do carnaval de Porto Seguro. 

Para ele, que entende alguma coisa do assunto, as imagens eram de "qualidade duvidosa", "o áudio horrível" e ainda por cima tinha entre os patrocinadores um hotel de Ilhéus, destino concorrente.

Ele prometeu apurar quanto tinha custado aquilo. Já ouvir dizer que saiu "de graça".

Mas a questão não deve ser essa. A questão é: quando o carnaval de Porto Seguro será atração para a mídia querer transmitir e faturar sem cobrar um centavo da prefeitura?

O novo tempo dirá. 

A mídia local e creio que a regional também aguarda pelo dia em que o carnaval de Porto Seguro seja tão bom que as cotas de patrocínio da cobertura e/ou transmissão sejam todas vendidas com três meses de antecedência.

Aí sim, ninguém vai precisar mais almoçar e se hospedar por conta da prefeiturra em troca de transmitir o carnaval.

Porque o barato (ou de graça) sai caro.

Geraldinho Alves

O FIM DO MUNDO ESTÁ PRÓXIMO...

O papa renunciou, a Coreia do Norte explodiu sua bomba atômica, o STJ liberou certidão de nascimento com "duas" mães...

E o deputado Ronaldo Carletto curtiu o carnaval de Porto Seguro no camarote oficial, ao lado da prefeita Cláudia, do vice Beto Axé Moi e do ex-prefeito de Eunápolis, Robério.

São Malaquias estava certo... O fim do mundo está próximo

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

CADÊ OS NÚMEROS DO CARNAVAL DE PORTO SEGURO?

Todo ano, o maior carnaval do interior da Bahia, que acontece em Porto Seguro, no extremo sul, fica devendo a população os números reais da folia:

1 - Quanto a festa custou realmente para a prefeitura: as atrações, trios, camisas dos blocos, apoios em geral, estrutura, passagens aéreas, banheiros químicos, hospedagens, alimentação, programação visual, etc...

2 - Qual o número de visitantes que a cidade recebeu durante o carnaval?

3 - Qual a média de gasto per capita dos visitantes?

4 - Qual o impacto global na economia do município?

5 - Qual setor lucrou mais?

6 - Quantos ambulantes foram cadastrados, qual a estimativa de faturamento deles?

7 - Quanto a prefeitura arrecadou com licenças no período?

8 - Qual o valor recebido de cada patrocinador?

E mais:

Quantas ocorrências de roubo, assalto, agressão física e similares?

Quanto ocorrências relacionadas com menores de idade?

Quais as principais ocorrências de trânsito?

Os números mostram a realidade da festa e o grau de transparência do governo.

O competente Vonca Gonçalves, secretário adjunto que cuida da Comunicação, vai ter um trabalho danado para reunir tantos números. Mas vai fazer bem ao governo ser transparente.

sábado, 9 de fevereiro de 2013

VAMOS PULAR O CARNAVAL


Até o fim da semana que vem este blog vai dar um tempo e pular o carnaval. 

Não que vá cair na folia, mas pular o carnaval no sentido de deixar passar a festa. Pular a data e voltar depois de tudo.

Como nosso foco é a política, na volta você saberá dos bastidores da festa. E das estatísticas.

Até breve.

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

O BRASIL SERVIDO NA BANDEJA

Investidores estrangeiros deverão cuidar das nossas rodovias e ferrovias, pegando dinheiro - sem oferecer garantias - no BNDES, com juros lá embaixo e com cinco anos para começar a pagar.

A mamata será ofertada pelo Ministro da fazenda, Guido Mantega, que fará turnê em Nova York, Londres, Cingapura, Berlim, Tóquio, Pequim, levando o Brasil para vender barato.

Os investidores poderão lucrar 14,6% nas rodovias e até 17% ao ano nas ferrovias. 

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

ANTICARNAVAL







PARA LER COM FUNDO MUSICAL DE VALDICK SORIANO

Briga na Câmara Municipal de Porto Seguro parece aqueles boleros antigos, com direito a carro do presidente riscado e outras cenas quentes.

Vai muito mais além do que um caso surreal o fato de o presidente da Câmara Municipal de Porto Seguro, vereador Paulo Onish (Paulinho Toa Toa), ter tido o seu carro particular riscado por um servidor graduado do Legislativo, quando o veículo estava estacionado dentro das dependências da Câmara, em local não permitido.

O risco dessa pendenga chegar mais longe é alto.

Por trás dessa guerra de nervos entre o servidor e o vereador-presidente existem pormenores impublicáveis, que respingam em outros vereadores e até no Executivo.

Das duas uma: ou a pendenga vai parar na Justiça e se arrastar em capítulos intermináveis ou os dois podem chegar as vias de fato, para a tristeza dos amigos em comum. E de toda a classe política.

A terceira via, o entendimento e pacificação, que seria o melhor caminho, estaria fora de cogitação.

COMUNICAÇÃO BOTA O BLOCO NA RUA


Comandado pelo experiente Vonca Gonçalves, o bloco da Comunicação de Porto Seguro vai a campo no Carnaval prolongado prometendo uma supercobertura.

Vonca garantiu que logo depois da folia vai ajustar o foco da comunicação para atingir muito além dos limites do município. 

Mas para isso ele vai precisar de uma estrutura que nenhum prefeito até hoje ofereceu.

A bola está com a prefeita Cláudia Novo Tempo Oliveira. Pra viver e ser feliz.

PARA PENSAR ANTES DE ARMAR A GUARDA MUNCIPAL COM PISTOLA.DE CHOQUE

Querem armar a Guarda Municipal de Eunápolis, cedendo a pressão para tornar a corporação uma organização paramilitar, ideia nazista. Guardas Municipais devem ser meros vigilantes do patrimônio público. Repressão deve ser trabalho da polícia, mantida pelo Estado para cuidar da segurança pública.

Alguém já parou pra pensar que a bandidagem armada com pistola PT.40, três oitão e cia pode fazer a festa em cima da Guarda Municipal de Eunápolis, roubando as pistolas de choque?

Alguém já parou pra pensar que o choque não é letal até certo ponto e intensidade, mas que pode deixar sequelas graves ou até mesmo matar?

Alguém já parou pra pensar que reduzindo a pobreza com Políticas Públicas eficazes os índices de violência diminuem?

Alguém já parou pra pensar que o maior prejuízo ao patrimônio público que possa ser dado por pobres coitados não chega a 1% do prejuízo aos cofres públicos de Eunápolis que já foi dado nos últimos 25 anos?


quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

GUARDAS MUNICIPAIS DE EUNÁPOLIS USARÃO ARMAS DE CHOQUE CONTRA QUEM?

Secretário de Políticas Públicas, Ronilto William, podia começar seu trabalho combatendo a pobreza e deixar a segurança pública para a polícia do Estado

O anúncio de que a Guarda Municipal de Ennápolis pode ter autorização para usar armas de choque não letal é assustador. Eunápolis deve ter outras prioridades.

Parece uma edição caricaturada de "A Revolução dos Bichos", filme baseado na obra do escritor George Orwel. Quem ainda ão assistiu, recomendo.

Caso a Guarda Municipal venha mesmo a portar essa tal arma de choque não letal, uma pergunta óbvia fica no ar: em quem os prepostos usarão o artefato? 

Em bandido com arma de fogo não será. Vai sobrar para o povo, como sempre: 

Adolescentes pobres pretos sem escolaridade mendigos migrantes drogados idosos aposentados minguados indigentes...

Enfim, filhinhos de papai infratores continuarão intocáveis. 

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

QUEM SABE EM 2017...

Sergio Alípio, presidente da Veracel e o prefeito Neto Guerrieri
O prefeito de Eunápolis foi até a fábrica da Veracel, na segunda-feira (4), levando seis secretários. E estava pronto pra divulgar o feito como positivo, afinal, os prefeitos anteriores preferiam a conversa de pé de ouvido e não oficiais com a direção da multinacional.

Mas a viagem quase gorou.

No dia seguinte, a inprensa estampou a notícia bomba de que a duplicação da fábrica da Veracel foi adiada para 2017. 

Daqui pra lá, a Veracel vai  usar o orçamento curto e a crise mundial como desculpas para adiar investimentos maiores nessa parceria com Eunápolis.

IDEIAS DO MP PARA MELHORAR SERVIÇO DAS BALSAS EM PORTO SEGURO


Datado de 20 de dezembro de 2012, um documento do Ministério Público estadual, assinado pelo promotor Antônio Maurício Magnavita, faz recomendas expressas ao prefeito municipal, Gilberto Abade, na época, com o objetivo de sanar problemas costumeiros na travessia das balsas Arraial - Porto Seguro.

O blog do jornalista Miro Pautz (Zé Ninguém) postou o documento na íntegra.

Entre diversas recomendações, algumas são pertinentes:

1 - Estabelecer um horário para transporte de caminhões pesados, ônibus coletivos e de turismo;
2 - Definir fila para táxis;
3 - Divulgar a via alternativa de acesso as praias do litoral sul: Arraial, trancoso e Caraíva;
4 - Criar faixa de desembarque de passageiros.

A questão é que o MP ameaça cobrar judicialmente o cumprimento das recomendações feitas no documento, como se fosse lei, quando o papel do órgão é fazer a lei ser cumprida. 

O ex-prefeito Abade não atendeu as recomendações. O que deve acontecer com ele? Nada. 

A prefeita Cláudia, certamente, está de olho no precário serviço prestado pelas balsas que fazem a travessia do Rio Buranhém. Um serviço que não evoluiu em nada nos últimos anos.

Mas como exigir que em menos de dois meses ela conserte o que não funciona (ou funciona precariamente) há muitos anos?

Toda exigência deve vir acompanhada de um prazo para ser cumprida. Cláudia pegou o bonde (ou seja, a balsa) andando. Tenham a santa paciência.

DIVULGAÇÃO DO CARNAVAL EM PORTO SEGURO MOSTRA DEFICIÊNCIA DA COMUNICAÇÃO



A Comunicação da prefeitura de Porto Seguro não está conseguindo ser proativa nem eficiente como se esperava, embora repita o script do governo Abade de bombardear a imprensa local com releases.

Mas muita informação não é o mesmo que informação eficiente. 

A demanda que a administração municipal exige é grande, mas Porto Seguro precisa se comunicar para fora dos limites do município, afinal, sua economia depende 90% do turismo, ou seja, dos visitantes que consegue atrair.

Na divulgação do Carnaval, por exemplo, a Comunicação deveria acompanhar a montagem da programação, para que em tempo real o país ficasse sabendo das atrações, horários e informações relevantes da festa.

O Carnaval de Porto Seguro precisa aparecer nos portais nacionais  da internet: UOL, G1, Terra, R7, além dos portais mais regionais, como o A Tarde. isso ao mesmo tempo com as TVs.

Mas, por enquanto, estão pensando pequeno. Pensando no furo de reportagem local. Falando para dentro, para centenas. É preciso falar para muitos milhares, para vender o destino.

Seria bem melhor gastar com publicidade do destino Porto Seguro do que arcar com os prejuízos de uma temporada fraca, como as que vinham se repetindo na cidade.

A chegada de um novo tempo, com  a prefeita Cláudia Olvieira aponta para uma mudanças de paradigmas. A Comunicação deve ser um dessas mudanças.

Esse Carnaval passa. O próximo, certamente, deverá ser bem melhor planejado e divulgado para o público alvo certo.

Geraldinho Alves

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

A VAIDADE DO SECRETÁRIO


Na primeira notícia oficial do secretário municipal de Meio Ambiente de Eunápolis, Mauro Borges, nota-se a vaidade do petista e o distanciamento da imprensa, setor visto com preconceito pelo PT local.



A notícia fala da preparação para a Conferência do Meio Ambiente, mas não mostra nenhuma foto das reuniões realizadas com a "sociedade civil organizada". A imprensa certamente não foi convidada.

Recomenda-se ao secretário seguir o manual de fabricação do governo Neto que promete transparência. E sem imprensa não hpa transparência. 

A foto que acompanha o release é a do secretário em pose para coluna social, como está publicada aqui. Nem tiveram o cuidado de mostrar o secretario despachando no gabinete.

domingo, 3 de fevereiro de 2013

MORDOMO ESTÁ INCLUIDO NAS MORDOMIAS DE RENAN NA PRESIDÊNCIA DO SENADO


Como novo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL) passará a ter mais direitos a partir desta segunda-feira (4), como morar na residência oficial do Senado - uma mansão com piscina, mordomo e segurança. 

Além disso, terá à disposição um carro com motorista sem limite de gastos com gasolina e poderá indicar servidores para 24 cargos comissionados extras, com salários que variam entre R$ 2,042 mil e R$ 19,194 mil.

RESIDÊNCIA
Renan poderá morar na residência oficial do Senado, uma casa com 450 m² de área construída, piscina, quatro quartos, três salas, jardim e biblioteca. Em 2009, contava com 12 funcionários, entre cozinheiro, copeiro, mordomo, segurança e jardineiro.

VIAGENS
O presidente do Senado não tem limite de passagens aéreas e pode solicitar avião da FAB para viagens de trabalho. 

ERROS QUE PERMITIRAM A TRAGÉDIA DA BOATE KISS EM SANTA MARIA


Nests domingo (3), o número de mortos da tragédia de Santa Maria subiu para 237. 

Ficou comprovado que houvee negligência das autoridades públicas:

1 - A prefeitura de Santa Maria liberou o funcionamento da boate Kiss com apenas uma porta para entrada e saída. 

2 - O alvará do Corpo de Bombeiros estava vencido desde agosto do ano passado;

3 - O Plano de Combate ao Fogo, de 2009, não tinha assinatura de um responsável técnico.

4 - A boate tinha capacidade para 680 pessoas, mas sempre funcionou souperlotada. No dia da tragédia,  estima-se que mais de 1.000 pessoas esatvam np local.

O advogado dos donos da boate disse o óbvio em defesa deles: a casa foi liberada para funcionar com apenas uma porta de duas faces. Caso as autoridade exigissem duas ou mais portas os donos fariam as portas.


TRAGÉDIA DE SANTA MARIA INCENDEIA PREFEITURAS QUE SAEM EM CAMPO CONSERTANDO AS NEGLIGÊNCIAS DA CONVENIÊNCIA

De repente, o Brasil acordou para uma realidade assustadora: nossa sociedade não tem consciência dos riscos de incêndio em diversas situações. 

Apenas as capitais fazem alguma coisa a respeito, mas no geral, no interior do país, a situação é crítica e ameaçadora.

EUNÁPOLIS
A grande maioria dos prédios de Eunápolis, no extremo sul da Bahia, por exemplo, embora de poucos andares não tem saídas de emergência nem extintores de incêndio. O pensamento é de que isso nunca vai acontecer. Isso numa cidade que não tem Corpo de Bombeiros e depende da Brigada contra Incêndio instalada na fábrica da Veracel.

sábado, 2 de fevereiro de 2013

ACONTECEU EM 2007



Quando você não se importa com o que acontece no Senado, o Senado também não se importa com o que acontece com você.

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

ELE TÁ RINDO DE NÓS

Dá pra acreditar? Ele está de volta. Depois de aguentarmos José Sarney, agora Renan Calheiros vai comandar o Senado. Parabéns presidente Dilma pelo apoio.  

CURRÍCULO DO PRESIDENTE DO SENADO


O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB), apoiado pelo PT e cia (menos o PSB e oposição) é acusado de peculato, falsidade ideológica e documento falso.

A denúncia foi apresentada pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel. O documento, entregue ao STF, tem 17 páginas.

O senador forjou notas fiscais para justificar operações com lobista – Renan responderá pelos crimes e a pena pode chegar a 23 anos de prisão.

PAGAMOS UM TRILHÃO EM IMPOSTOS EM 2012


Embora o PIB tenha sido um fiasco. O Brasil tem a maior carga tributária do mundo. É essa nossa mania de ser campeão em tudo. 

Mas o problema é que os impostos não viram bom atendimento na saúde pública, boas escolas públicas, estradas sem buracos, aeroportos seguros e confortáveis, internet decente, cidadania garantida, entre outras coisas que tanto precisamos.

Pagamos muito, mas recebemos muito pouco. 

ATÉ QUANDO?


RENAN PRESIDENTE DO SENADO


Cada país tem os governantes que merecem.

O PT chegou ao poder em 2003, para mudar a realidade brasileira. Foi uma aposta alta do povo brasileiro. Muita coisa avançou, mas a estrutura do Estado ainda continua intocável, as oligarquias - política e economicamente falando - dominam os espaços e se governa submisso a elas.

O sistema é bruto, resume o povão.

Também não precisava apoiar um sujeito como Renan Calheiros para presidente do Senado. É avacalhar com a República.

CADÊ O DELTA PARK? NEM ÁGUA, NEM LUZ, NEM ASFALTO, POR ENQUANTO

As obras de infraestrutura estão atrasadas e, pelo visto, as vendas não corresponderam as expectativas. 


O loteamento que chegou a Eunápolis para ser o mais moderno e mais completo da cidade, sucumbiu diante da realidade. Depois de muitas promessas, parece que o empreendimento vive uma crise interna e teve as vendas suspensas no local.

Pelo menos, o stand de vendas saiu da BR 367.


Até agora, pouca coisa foi feita lá. E há indícios de que a empresa responsável pelas vendas tenha saido de fininho, por algum motivo ainda não esclarecido.

Caso algum comprador deixe de pagar uma parcela do financiamento do terreno sua propriedade é tomada, imediatamente, pela Deltaville. Mas, caso o empreendimento atrase o cronograma anunciado na campanha de vendas, o que acontece? Ninguém pensou nisso, né?

Depois acham que a imprensa exagera nos alertas que faz a população ou que se trata de vender dificuldade para colher facilidade. Da próxima vez, preste mais atenção naquilo que se publica. 

FUTURO
É capaz das milhares de casas vizinhas de fundo do loteamento, do programa "Minha Casa Minha Vida", no Alecrim, fiquem prontas antes  do Delta Park preencher suas primeiras ruas com água, luz, esgoto tratado e praças arborizadas. Anote.